Cinema, Road Movies, Wanderlists

Angie | Márcio Garcia, 2012

Angie, uma jovem artista brasileira, abandona sua antiga vida e embarca em uma jornada pelos Estados Unidos. Fugindo de seu passado, e procurando por um objetivo na vida, Angie encontra não só a si mesma, mas o amor em suas diversas formas.

Angie
Título Original: Open Road

SINOPSE


Angie (Camilla Belle) é uma jovem artista brasileira que vive com a mãe (Christiane Torloni), com quem tem um relacionamento desgastado. Um dia, ela resolve fazer uma viagem pela Califórnia. Ao longo do caminho ela conhece e faz amizade com Chuck (Andy Garcia), um andarilho que vive isolado, e o policial David (Colin Egglesfield). Logo passa a trabalhar na lanchonete da prima de David (Juliette Lewis), onde tenta resolver seus conflitos internos.

Fonte: Adoro Cinema

 


TRAILER


Cinema, Road Movies, Wanderlists

Coração Louco | Scott Cooper, 2009

Um artista fracassado de música country  é forçado a reavaliar sua vida disfuncional durante um romance que, apesar de condenado, também lhe serve como inspiração.

Resultado de imagem para coração louco
Título original: Crazy Heart

SINOPSE


Bad Blake (Jeff Bridges) é um famoso cantor e compositor de música country. Mas como beberrão inveterado e fumante contumaz sua vida se resume aos pequenos shows baratos que realiza em cidades do interior para um público que ainda o reconhece. Apesar de seu agente insistir para que ele reate com seu antigo pupilo – e atual astro – Tommy Sweet (Colin Farrell), Blake não abre mão de suas convicções e recusa o “favor”. Mas o cabeça dura conhece Jean Craddock (Maggie Gyllenhaal), jornalista novata por quem se apaixona durante uma entrevista e mãe solteira do pequeno Buddy (Jack Nation), e mergulha de cabeça na relação, assumindo os riscos que esse amor pode trazer.

Continue lendo “Coração Louco | Scott Cooper, 2009”

A Verdade Está Lá Fora, Documentários

Da Servidão Moderna | Jean-François Brient e Victor León Fuentes, 2009

“Meu otimismo está baseado na certeza que esta civilização vai desmoronar. Meu pessimismo em tudo aquilo que ela faz para arrastar-nos em sua queda.”


De la servitude moderne
Título original: De la Servitude Moderne

SINOPSE


“A servidão moderna é uma escravidão voluntária, aceita por essa multidão de escravos que se arrastam pela face da terra. Eles mesmos compram as mercadorias que lhes escravizam cada vez mais. Eles mesmos correm atrás de um trabalho cada vez mais alienante, que lhes é dado generosamente se estão suficientemente domados. Eles mesmos escolhem os amos a quem deverão servir. Para que essa tragédia absurda possa ter sucedido, foi preciso tirar desta classe, a capacidade de se conscientizar sobre a exploração e a alienação da qual são vítimas. Eis então a estranha modernidade da época atual. Ao contrário dos escravos da Antiguidade, aos servos da Idade Média e aos operários das primeiras revoluções industriais, estamos hoje frente a uma classe totalmente escrava, que no entanto não se dá conta disso ou melhor ainda, que não quer enxergar. Eles não conhecem a rebelião, que deveria ser a única reação legítima dos explorados. Aceitam sem discutir a vida lamentável que foi planificada para eles. A renúncia e a resignação são a fonte de sua desgraça.”

Continue lendo “Da Servidão Moderna | Jean-François Brient e Victor León Fuentes, 2009”